Paraná

MP abre inquérito para apurar vacinação de funcionários da Unimed em Curitiba

O Ministério Público do Paraná (MP-PR) abriu inquérito civil para apurar possível irregularidade na aplicação de vacinas da Covid-19 nos funcionários da Unimed de Curitiba em maio. No total, 1.547 colaboradores da operadora receberam a vacina o que, para o MP-PR, não seguiria a ordem do Plano Nacional de Imunização (PNI) do Ministério da Saúde. A Promotoria de Proteção ao Patrimônio Público cobra explicações da prefeitura e Unimed para apurar eventual ato de improbidade administrativa na imunização, com eventual prejuízo ao cofre público. As informações são da Gazeta do Povo.

Médicos sem Fronteiras