03/06/2020 00:52
Brasil

Hamburguerias Madero confirma a demissão de 600 funcionários

Dono da rede de hamburguerias Madero, o empresário Junior Durski confirmou nesta quarta-feira (1º), ao jornal O Estado de São Paulo, a demissão de 600 funcionários. De acordo com o empresário, o corte foi principalmente de funcionários em treinamento para atuarem em novas unidades da marca. As informações são da Tribuna do Paraná.

Recentemente, o Madero anunciou novos investimentos, incluindo complexos gastronômicos em estradas brasileiras — um modelo similar ao das redes Graal e Frango Assado. O grupo paranaense pretendia, também, abrir capital na bolsa de Nova York, nos Estados Unidos, além de ser um dos grupos interessados na compra do Outback no Brasil.

A crise decorrente da pandemia do coronavírus deve frear, pelo menos no curto prazo, os planos de expansão da rede.

O Madero tem cerca de 8 mil funcionários. Ao jornal, o empresário destacou a incerteza da duração da crise como principal fator para os cortes. Durski ainda não atendeu aos pedidos de comentário da reportagem da Gazeta do Povo.

Médicos sem Fronteiras