Paraná

Curitiba pode ganhar ‘terminais abertos’ com ônibus integrados

O prefeito Rafael Greca afirmou que a bilhetagem eletrônica pode permitir a implementação dos “terminais abertos” em alguns espaços de Curitiba. A declaração foi feita durante a entrega de 20 ônibus novos, na tarde desta terça-feira (21), na Rua da Cidadania do Pinheirinho. As informações são da Banda B.

“Quanto mais gente tiver cartão, mais segura fica a cidade, menos arrastão nós vamos ter e também a possibilidade de colocar a tarifa temporal. Vamos considerar espaços da cidade como terminais abertos. Por exemplo, a pessoa descer do tubo na Praça Carlos Gomes e subir em um ônibus atrás da Catedral para ir para a região de Santa Felicidade, sem ter que passar por um terminal. O cartão representa a liberdade e a mobilidade do fim dos terminais cercados”, explicou.

O bilhete automático pode ser feito em todos os terminais e em pontos da Urbanização de Curitiba (Urbs), nas Ruas das Cidadania. O presidente da Urbs, Ogeny Maia Neto, também disse que a evolução tecnológica dos cartões facilitará o pagamento.

“Com essa nova tecnologia, podemos fazer a biometria facial, pagamento com smartphone, via cartão de crédito ou débito e também a ampliação da tarifa diferenciada. Mais segurança para o usuário”, explicou.

Médicos sem Fronteiras