São José dos Pinhais
18/09/2019 04:23
São José dos Pinhais

Suporte Básico de Vida: treinamento é realizado aos servidores do SAMU

Compartilhar artigo no facebook Compartilhar artigo no twitter Compartilhar artigo no WhatsApp ↑ Topo

Na última semana, servidores do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) de São José dos Pinhais participaram no último dia do treinamento sobre Suporte Básico de Vida. O treinamento realizado por meio do Núcleo de Educação em Urgências (NEU) do SAMU seguiu as normas da American Heart Association (AHA).

O Suporte Básico de Vida consiste em um conjunto de procedimentos técnicos que têm como objetivo o suporte de vida à vítima, sendo vital até a chegada do suporte avançado. “O enfoque maior é a parada cardiorrespiratória a qual é um acontecimento súbito”, explica o médico do SAMU e do SIATE e que ministrou o treinamento, Armando Mushashe.

O treinamento teve como base procedimentos específicos e devidamente enquadrados pela designada Cadeia de Sobrevivência, em situações inusitadas simuladas pelo Dr. Armando. A análise efetuada dos equipamentos de desfibrilação externa automática (DEA), aparelho que deve estar presente em locais com aglomeração ou circulação de pessoas que seja igual ou superior a 2.000 por dia e transportes com capacidade superior a 100 passageiros.

“Os procedimentos preconizados, quando devidamente executados, permitem diminuir os índices de morbidade e mortalidade associados à parada cardiorrespiratória e aumentar, de forma significativa, a probabilidade de sobrevivência da vítima”, explica o médico.

A enfermeira Aline Fonseca ressalta que “é importante que as pessoas lembrem de chamar ajuda antes de iniciar a reanimação cardiorrespiratória, seguindo a Cadeia de Sobrevivência que interliga os diferentes elos, vitais para o sucesso da mesma”.

A cadeira de sobrevivência funciona da seguinte forma:

1º – Chamar ajuda – ligar 192

2º – Reanimar

3º – Desfibrilar

4º – Estabilizar.

Médicos Sem Fronteiras