São José dos Pinhais
24/10/2019 12:12
Paraná

Qual melhor cidade da região metropolitana de Curitiba para investir em imóveis?

Compartilhar artigo no facebook Compartilhar artigo no twitter Compartilhar artigo no WhatsApp ↑ Topo

Não é segredo que Curitiba é um ótimo lugar para se viver. Por ser uma cidade rodeada pelos mais diferentes atrativos arquitetônicos e que cada vez mais estão sendo valorizados pelo mercado imobiliário em ascensão, a capital paranaense reserva uma infinita gama de possibilidades de investimentos para quem deseja ampliar sua carteira de negócios ou mesmo buscar um lugar novo para viver.

Seja para investimento imobiliário, para quem está de mudança para a região ou mesmo para quem assiste à família crescer e deseja um local maior e menor urbanizado para viver, a Região Metropolitana de Curitiba reserva atrativos significativos em relação a custo de vida e estruturação patrimonial. Enfim, há possibilidades variadas de otimizar ganhos econômicos.

Uma delas, é investir em imóveis presentes nas cidades da região metropolitana de Curitiba, como, por exemplo, casas à venda em SJP.

Além de oferecerem uma quantidade significativa de casas e apartamentos, ainda possuem o diferencial de proporcionar terrenos para a rua ou mesmo para condomínios fechados, estruturas ainda pouco exploradas em todo o seu potencial e representatividade no mercado imobiliário da região.

Principais cidades para morar na RMC

Em busca de imóveis maiores, mais baratos e distantes do alto trânsito da capital paranaense, cada vez mais pessoas migram para os principais municípios da Região Metropolitana de Curitiba, que certamente são, por grau de importância, os melhores para se morar e/ou investir:

  1. São José dos Pinhais;
  2. Pinhais;
  3. Fazenda Rio Grande;
  4. Colombo;
  5. Araucária.

Distantes de 20 a 30 minutos de carro da capital, uma coisa é certa: os municípios da Região Metropolitana têm se mostrado uma excelente alternativa para quem quer tranquilidade e economia sem precisar se afastar de suas praticidades urbanas, como os grandes shoppings centers, seus variados centros comerciais, sua grande possibilidade de recursos na área de atendimento de saúde.

Além do mais, registram praticidade de deslocamento ao aeroporto, inúmeras escolas de padrão internacional ou mesmo com pedagogia reconhecida nacionalmente, diversas autoestradas para deslocamento a outras cidades ou ao interior do estado, dentre outras características essenciais ao se escolher um investimento para recurso financeiro ou moradia, como comércio local expressivo e áreas de lazer.

Certamente, dentre os critérios para adotar estas 5 melhores cidades da Região Metropolitana de Curitiba para se viver, os quesitos são: mobilidade urbana, boas condições ambientais e habitacionais, serviços coletivos urbanos e boa infraestrutura.

Assim sendo, estes são só alguns dos pontos que fizeram estas cidades da região se tornarem as queridinhas de quem quer adquirir um imóvel, também devendo-se levar em conta que, em sua maioria, são cidades circunvizinhas que possuem diversos complexos industriais em expansão, que atraem estrangeiros, profissionais de todo o país e fomentam a economia local.

Atrativos e números da RMC

Com tantos pontos positivos, a Região Metropolitana de Curitiba apresenta um crescimento urbano significativo. Cidades como São José dos Pinhais, Colombo, Pinhais e outras demais cidades apresentam a cada ano uma taxa de crescimento populacional que possui a taxa de pelo menos 3% ao ano.

Para 2019, a expectativa é que essas cidades devam receber pelo menos mais de 180 mil novos moradores, o que representa uma possibilidade ao comércio local e também ao setor de construção civil.

Além desse quesito, é importante ainda falar em números. E eles são bastante atrativos. Nesses municípios, por exemplo, os apartamentos têm, em sua maioria, de dois a três quartos, com uma área privativa média de pelo menos 45 metros quadrados.

Mais de 80% deles se encaixam nos padrões de classificação supereconômica ou econômica, o que significa que não custam mais de R$ 200 mil reais, um valor que condiz com a média salarial da região, onde pelo menos 73% das famílias possuem uma renda composta por até cinco salários mínimos mensais.

Apesar disso, as incorporadoras e construtoras afirmam que existe uma crescente demanda por imóveis de luxo, voltados a estrangeiros e funcionários dos complexos industrial da região, em especial por imóveis em São José dos Pinhais.

Esse nicho de mercado, composto principalmente por empresários que trabalham na região e desejam morar perto de seus locais de trabalho é a grande cereja de bolo do momento e promete, até 2020, representar uma quantidade expressiva de fomento ao setor de construção civil e negócios, o que pode ser uma ótima possibilidade de retorno para quem fizer a aquisição de imóveis na região e, com um maior aquecimento, desejar vende-lo posteriormente.

Elenco de cidades com mais potencial imobiliário

São José dos Pinhais é a região que mais concentra novos empreendimentos (56%), seguida de Pinhais (16%) e Fazendo Rio Grande (14%). Morar nessas regiões é uma ótima opção para quem quer comprar imóveis mais baratos, como por exemplo, comprar casas em Colombo.

O preço médio de um imóvel na RMC gira em torno de R$ 181.155, valor obviamente bem abaixo do praticado na capital – R$ 607.680. Esses imóveis são os considerados supereconômicos. Confira abaixo a média de preços de imóveis ofertados em Curitiba e na Região Metropolitana dentro de 6 categorias:

  • Supereconômico – até R$ 120 mil
  • Econômico – de R$ 120 mil a R$ 250 mil
  • Standard – de R$ 250 mil a R$ 400 mil
  • Médio – de R$ 400 mil a R$ 600 mil
  • Alto – de R$ 600 mil a R$ 1 milhão
  • Luxo – acima de R$ 1 milhão

Motivos para morar na RMC

Agora que você conheceu um pouco mais o cenário do mercado de imóveis em Curitiba e Região Metropolitana, que tal pesquisar um pouco mais o espaço dos seus sonhos, seja ele uma casa ou apartamento, para colocar em mente aquele seu tão sonhado projeto de construção e/ou decoração?

Certamente, a capital paranaense e as cidades em seu entorno reservam inúmeros atrativos para quaisquer tipos de público.

Aproveite que conheceu estas informações e as compartilhe este post em suas redes sociais. Certamente, ele poderá ajudar outras pessoas a conhecerem um pouco mais sobre as vantagens de se morar em cidades no entorno de Curitiba, economizarem e ganharem mais vantagem competitiva com isso!

Médicos Sem Fronteiras