Mundo

Senai Paraná leva cursos semipresenciais para o Espírito Santo

Uma parceria entre os departamentos regionais do Senai do Paraná e do Espírito Santo vai levar em agosto para as unidades capixabas os primeiros cursos semipresenciais de mecânica automotiva do Brasil. A metodologia dos cursos foi desenvolvida pelo Senai Paraná em parceria com o Centro de Elaboração dos Meios de Ensino do Quebeq (Canadá) e conta com o reconhecimento do Sindirepa – Sindicato da Indústria de Reparação de Veículos e Acessórios do Estado do Paraná.


Os sete módulos oferecidos nas áreas de mecânica e eletrônica automotiva – freios, motor, eletroeletrônica veicular, gerenciamento eletrônico de motor, suspensão/direção, transmissão convencional e transmissão automática – foram apresentados pelos técnicos da área Coordenação de Alianças Estratégicas e Projetos Especiais do Senai Paraná, nesta terça-feira (25), em Curitiba, aos representantes do Senai do Espírito Santo.


Os cursos têm duração de 56 a 88 horas, uma parte cumprida à distância e outra presencial, com aulas práticas nas oficinas do Senai. Cada turma tem, no máximo, 20 alunos. O pré-requisito para participar é ter ensino fundamental completo e conhecimentos básicos de ferramental e metrologia. Não é necessária experiência em mecânica.


As aulas à distância usam material didático impresso e recursos multimídia, como animações gráficas e ambiente de simulações para prática virtual dos conhecimentos adquiridos. A avaliação final dos alunos é feita nas unidades do Senai.


No Paraná, o curso é oferecido nas unidades do Senai em Curitiba, Ponta Grossa, Maringá, Londrina, Cascavel e Foz do Iguaçu.


Os cursos serão mostrados no Congresso de Reparação do Espírito Santo, nos dias 12 e 13 de agosto, em Vitória. Além disso, técnicos do Senai Paraná vão formatar um curso semi-presencial de freios para cerca de 20 alunos da regional capixaba.


Assessoria de Comunicação da FIEP

Médicos sem Fronteiras