Paraná

Presidente da FIEP é candidato à cive da CNI

A Confederação Nacional da Indústria (CNI) elege nesta terça-feira (25/07) sua diretoria para os próximos quatro anos. A chapa única, de consenso, tem Armando Monteiro Neto como candidato à reeleição. O presidente da Federação das Indústrias do Estado do Paraná (Fiep), Rodrigo da Rocha Loures, é um dos 12 vice-presidentes da chapa. Na atual administração, Rocha Loures preside o Conselho Temático Permanente de Política Industrial e Desenvolvimento Tecnológico (Copin).


Os diretores e o Conselho Fiscal serão eleitos pelo colégio eleitoral, formado por 27 representantes das Federações de Indústrias dos Estados e do Distrito Federal. Cada delegado-eleitor tem direito a um voto, secreto. O resultado da eleição será anunciado nesta terça-feira mesmo. A posse da nova Diretoria e do Conselho Fiscal está marcada para dia 14 de outubro deste ano.


A CNI representa o setor industrial brasileiro. Criada em 12 de agosto de 1938, a instituição coordena um sistema formado por 27 federações de indústrias dos estados e do Distrito Federal, que têm 1.123 sindicatos patronais filiados. Porta-voz dos interesses do setor produtivo, a CNI administra o Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai), o Serviço Social da Indústria (Sesi) e o Instituto Euvaldo Lodi (IEL).


Por meio de dez Conselhos Temáticos e de estudos e pesquisas das áreas técnicas, a Confederação mantém discussões permanentes e formula  propostas  para  as  áreas  de  política  econômica,  micro e pequena empresa,   política   industrial   e   desenvolvimento   tecnológico, infra-estrutura,    meio   ambiente,   integração   internacional,   relações   do   trabalho,  assuntos  legislativos  e responsabilidade  social. 


A direção  da instituição também tem como órgão consultivo o Fórum Nacional da Indústria, que reúne presidentes de  associações nacionais setoriais e amplia o universo dos debates e o  consenso  sobre  questões  fundamentais para a competitividade e o desenvolvimento da indústria brasileira.


Assessoria de Comunicação da FIEP

Médicos sem Fronteiras