Esporte

Futebol na Real em “Análise da Rodada“

14ª Rodada


Na décima quarta rodada do campeonato brasileiro, os cincos primeiros colocados não conseguiram conquistar uma vitória, ao começar pelo líder São Paulo que foi goleado pelo rival Santos, apesar da equipe reserva, a torcida do tricolor esperava um resultado inverso, outra equipe que poupou os titulares, foi o vice-líder Internacional que não saiu do zero, no clássico contra o Grêmio.


Outra partida que teve surpresa e superação foi o jogo entre o embalado Paraná que vinha de oito jogos invictos e caiu diante do fortalecido Palmeiras, que desde a chegada de Tite, só vem crescendo na competição.


O Atlético Paranaense recebeu na Arena o atual campeão da Copa do Brasil, o Flamengo, que teve sua “faixa carimbada“, sendo derrotado por 1×0 para a equipe paranaense, o clássico “Vovô“ entre Botafogo e Fluminense terminou empatado com um gol para cada lado.


A rodada teve 20 gols, com um artilheiro que já não disputa mais a competição, Dodô do Botafogo, que já se transferiu para o futebol árabe, ficou com 9 gols, a melhor defesa é a do Cruzeiro com apenas 10 gols sofridos e a pior é a da Ponte Preta com 31, o melhor ataque é o do Paraná com 27 gols e o pior é o do Fortaleza com 11 gols marcados.


Na zona de rebaixamento se encontra a pior defesa e o pior ataque, Ponte Preta e Fortaleza, respectivamente, acompanhados de Flamengo, que agora volta a priorizar a competição e segurando a lanterna o atual campeão brasileiro, o Corinthians, que segue acompanhado de má fase, desentrosamento, contusões e intrigas, e isso são fatores fundamentais em um campeonato de pontos corridos e que cada tropeço pode ser fatal.


Marlon Robaina
marlonrobaina@hotmail.com

Médicos sem Fronteiras