São José dos Pinhais
23/07/2018 03:46
São José dos Pinhais

Central do Cartão Vem esclarece sobre a cobrança em dinheiro nas linhas urbanas

Compartilhar artigo no facebook Compartilhar artigo no twitter Compartilhar artigo no WhatsApp ↑ Topo

Posto de atendimento da Central Vem na Galeria Di Brunno, Rua XV de Novembro, 1815

Até o dia 20/06, as linhas Urbanas de São José dos Pinhais, aceitavam como forma de pagamento somente Cartão Transporte (Cidadão/Vale Transporte) no valor de R$ 3,90, além de ter o Cartão Eventual para pessoas que não possuem o cartão VEM, e que não querem fazer o cartão Cidadão, estes cartões pode ser adquiridos na Central VEM dos terminais Central, Afonso Pena, e na Galeria Di Brunno, na Rua XV de Novembro, 1815,  no centro – com custo da passagem + R$ 3,20 pelo casco, quando devolver na central o casco, recupera o valor do mesmo (R$ 3,20).

A partir do dia 21/06/18, entrou em vigor o Decreto 3.070/18, que sanciona a lei 2.967/17, onde começa a valer a Tarifa Eventual R$ 5,00 (dinheiro), e os motoristas poderão efetuar a cobrança em espécie desde que não venham exceder, durante sua jornada de trabalho mensal, a quantidade de 5% dos usuários transportados.

Para que não exceda os 5%, e não retorne o dinheiro para dentro dos ônibus, pois com isto volta os riscos de assaltos, fato que hoje na empresa é ZERO no sistema Urbano, devido não ter dinheiro em espécie circulando, foi decretado valor diferenciado, R$ 3,90 cartão e R$ 5,00 no dinheiro. Esta forma diferenciada não é novidade em São José dos Pinhais, pois em 2013 já houve a tarifa diferencia, em dinheiro custava R$ 3,50 e no cartão R$ 2,85.

A Central Vem salienta que o valor de R$ 5,00 é somente para os passageiros eventuais, pois o cartão é vantagem, além de pagar mais barato a passagem, ainda terá integração no sistema Urbano. Lembrando que após implantação 100 % cartão nas linhas Urbanas, usuários estavam reclamando que não tinham possibilidade de pagar em dinheiro, pois chegavam à cidade e não tinham o cartão, com esta mudança este usuário (eventual) agora está sendo atendido.

Médicos Sem Fronteiras