São José dos Pinhais
19/09/2017 04:55
São José dos Pinhais

Após morte de PM, polícia prende nove e dois morrem em confronto

Compartilhar artigo no facebook Compartilhar artigo no twitter Compartilhar artigo no WhatsApp ↑ Topo

Dois suspeitos morreram e nove foram presos pela Polícia Militar (PM) na manhã desta quinta-feira (17), em uma operação desencadeada logo após a morte do soldado Eduardo Lucas Verbinski, de 29 anos, do 17° Batalhão da Polícia Militar. O confronto aconteceu na região do bairro Quissisana, em São José dos Pinhais. As informações são da bandab.com.br

Segundo a PM, dois irmãos, que eram moradores no Condomínio Serra do Mar, morreram no confronto, depois que informações chegaram aos policiais de que os autores estavam escondidos em uma casa na Rua Miguel Jareck. Os policiais deram voz de abordagem e foram recebidos a tiros pelos suspeitos. Armas e coletes à prova de balas teriam sido apreendidos na região.

“Desde ontem à noite nosso serviço reservado chegou a informação sobre estes dois irmãos, que teriam sido os autores da morte contra o policial. Um destes irmãos é menor e já tem quinze homicídios, segundo a Delegacia de São José dos Pinhais”, disse à Banda B o capitão Nelson Stoquero

Ainda de acordo com o capitão, a hipótese é que os autores foram até ao estabelecimento para matar um Guarda Municipal (GM). “As informações que temos é que eles tiveram um problema com um GM e acabaram lá encontrando o policial, que acabou sendo o alvo deles”, descreveu.

Os presos na operação são suspeitos de darem cobertura ou carona aos irmãos envolvidos no crime.

O crime

O soldado Eduardo Lucas foi morto com dois tiros de pistola na cabeça no início da madrugada desta quinta-feira (17) em um bar anexo a uma quadra de grama sintética no bairro Rio Pequeno, próximo ao Condomínio Serra do Mar, em São José dos Pinhais.

Velório iniciou por volta das 17hs desta quinta, na Capela Municipal Natalina Berti, Rua Voluntários da Pátria esquina com a Rua Mendes Leitão, bairro Centro, São José dos Pinhais. O sepultamento será amanhã, às 10h, no Cemitério Pedro Fuss, BR 376, KM 13,5, n° 3355, São José dos Pinhais.

Médicos sem Fronteiras