14/12/2019 03:11
São José dos Pinhais

Menção Honrosa do Poder Legislativo

Diploma3

cristianodiploma

Prêmio Jovem Empreendedor, em reconhecimento pela valiosa contribuição ao desenvolvimento de nosso Estado

No dia 07 novembro de 2007, em Sessão solene o jornalista Cristiano Lima foi homenageado, ele recebeu “Menção Honrosa”, a Assembléia Legislativa do Paraná presta homenagem com o Prêmio Jovem Empreendedor, em reconhecimento pela valiosa contribuição ao desenvolvimento de nosso Estado. O “Prêmio Jovem Empreendedor”, que reconhece o jovem empresário de São José dos Pinhais, que esta se destacando em seu ramo de atuação profissional e visando a informação acima de tudo e por sua imensa contribuição cultural das que buscam a verdade e a notícia em tempo real. Dedicação e Trabalho é a marca indelével do verdadeiro comunicador e pela contribuição ao desenvolvimento do Paraná.

O deputado Ney Leprevost, que criou o evento, informa que para escolher o nome dos destaques jovens do estado, pediu ajuda das entidades empresariais.

Dentre as entidades que sugeriram nomes estão: SENAR-PR (Serviço Nacional de Aprendizagem Rural), Fecomercio (Federação do Comércio do Paraná), ACP (Associação Comercial do Paraná), UTFPR (Universidade Tecnológica Federal do Paraná), SEIM (Secretaria Estadual da Indústria, do Comércio e de Assuntos do Mercosul), Curitiba S.A, FACIAP (Federação das Associações Comerciais e Empresariais do Paraná), FGV (Fundação Getúlio Vargas), Sindhotel (Sindicato dos Hotéis, Bares e Restaurantes), FACIAP (Federação das Associações Comerciais e Empresariais do Estado do Paraná), SEBRAE (Serviço de Apoio à Pequena Empresa no Paraná), FIEP (Federação das Indústrias do Estado do Paraná), dentre outras.

Além das instituições citadas, os coordenadores dos cursos de Administração das Faculdades Dr. Leocádio José Correia e Faculdades Camões, e os empresários Márcio Zaranella, Joel Malucelli também indicaram nomes para receberem a homenagem. “É muito comum premiarem pessoas que já estão consagradas como grandes empreendedores. Nós queremos incentivar os que estão começando”, afirma Ney.

 

Médicos sem Fronteiras